No chão de loja: colaboradores APAS visitam supermercados em todo o estado


“Representar o setor supermercadista e contribuir para o seu fortalecimento sustentável, garantindo a satisfação dos seus associados”. Esta é a Missão da APAS, que também objetiva desenvolver todo o setor no Estado de São Paulo.

Mas como cumprir esta missão sem entender o dia a dia do supermercadista?

É por isso que parte dos colaboradores da APAS tem a meta de visitar supermercadistas, associados ou prospects, para conhecer boas práticas, entender e procurar solucionar problemas comuns, oferecer produtos e serviços e garantir o atendimento da APAS em consultorias e eventos diversos.

Nesta linha, em 2018 as executivas das regionais da APAS, sob a coordenação da gerente de Relacionamento da entidade, Priscila Macca, realizaram 3.862 visitas em supermercados, sendo 3.233, que equivale a 79% do total, a empresas associadas.  Para Renato Gaspar, vice-presidente e Diretor do Comitê de Regionais da APAS, esse resultado só foi possível com a ampliação do quadro de colaboradores das regionais, que conta com executivas de relacionamento e auxiliares. “Antes contávamos apenas com a executiva, que tem um trabalho mais voltado justamente às visitas em campo. Com uma pessoa a mais nos escritórios, os associados têm suporte pessoalmente e por telefone, nas reuniões abertas, cursos, caravanas e todas as demais ações voltadas aos associados, e a executiva fica focada em levar aos associados todos os benefícios da entidade, bem como trazer as necessidades das lojas para serem trabalhadas pela associação.

As equipes regionais também proporcionam aos associados mobilização para participar dos eventos da entidade, como os Eventos de Lançamento Regionais da APAS Show, as caravanas também para a APAS Show, as Reuniões Abertas, os cursos da Escola APAS, e os Comitês, entre outros.

Para 2019, a expectativa é dar mais visibilidade para os trabalhos realizados na sede da entidade, informando aos associados o status dos projetos que impactarão positivamente no setor, e não apenas quando tal projeto estiver implantado. Com o novo formato de Governança Corporativa da APAS, que conta com vinte e dois Comitês de trabalho para o andamento de projetos, os grupos técnicos têm mais autonomia para realizar o que é necessário.

“Outro ponto importante é a realização das pesquisas nas lojas realizada pela área de Economia e Pesquisa, que visam criar indicadores de cada regional. Quanto maior a participação dos associados em responder as pesquisas, mais preciso será o indicador de cada localidade, e os associados terão mais informações sobre sua região de atuação, como preços, faturamento e confiança do empresário”, conta o diretor.

Renato Gaspar reforça também que em 2019 o intercâmbio entre as Regionais, realizados por meio de caravanas entre os escritórios locais, continuará. “Esse trabalho tem contribuído muito na resolução de problemas à medida que boas práticas são compartilhadas. Queremos continuar e intensificar as visitas entre regionais este ano”.

Todas essas visitas buscam especialmente aproximar o associado da entidade. “Precisamos mostrar aos associados o trabalho da entidade voltado a eles. Queremos ter uma relação ainda mais transparente com todos, que merecem as melhores ferramentas e iniciativas para favorecer os seus negócios”, completa Gaspar.


Tags:


Notícias relacionadas


Últimas Notícias



menu
menu