Presidente da APAS modera painel sobre “Supermercado 4.0 – Reinventando o negócio” no Congresso de Gestão


O futuro do segmento supermercadista e suas novas tendências foi a temática do painel “Supermercado 4.0 – Reinventando o Negócio”, moderado por Ronaldo dos Santos, presidente da APAS, durante o Congresso de Gestão da APAS Show 2019 na tarde desta quarta-feira (08). Também participaram do painel os executivos José Evaldo Koch, CEO do Grupo Koch Hipermercado; Fábio Rodas Blanco, CEO e cofundador do Shopper.com.br; Rodrigo Miranda, fundador da Zaitt, e Marcos Samaha, CEO do Grupo Tenda Atacado. “Nossos negócios estão sendo altamente pautados pela tecnologia, por isso, queremos impactar o supermercadista com a inovação”, comentou o presidente, que trouxe ao painel a possibilidade de troca de experiências entre diferentes modelos de negócios para a inspiração dos supermercadistas.

 Os executivos debateram sobre como a tecnologia vem transformando o modo de atender o consumidor. “Vivemos em um cenário sem precedentes no mundo dos negócios do varejo, devido ao impacto da inovação nas operações”, completou o presidente da APAS.

Nos últimos dez anos, o formato atacarejo vem ganhando força no Brasil, principalmente no período de crise econômica do país. Por outro lado, outras redes como o Koch Hipermercado apostaram na multicanalidade, alcançando resultados. “Crescemos 33% em 2018 com previsão de 38% para este ano. Contudo, também atuamos no atacarejo e, hoje, é o formato que mais cresce baseado em preços competitivos”, disse José Evaldo, CEO do grupo.

Segundo o executivo, a empresa também atua no modelo de proximidade com lojas focadas em atendimento express, assim como no e-commerce, o mais popular atualmente. “Comércio eletrônico é a vedete da vez, apesar de já estar disponível há pelo menos 20 anos. Hoje, esse canal responde por aproximadamente 2,5% das vendas em supermercados”, enfatiza José.

Atacarejo x lojas inteligentes

De acordo com Marcos Samaha, o formato atacarejo foi criado no Brasil com o propósito de oferecer soluções. “Este formato tem mais de 50% de penetração nos lares brasileiros e vem crescendo ano após ano com o respaldo de dois atributos muito importantes para o consumidor: preço e simplicidade”, disse o CEO do Tenda Atacado.

Outra grande inovação que a tecnologia proporciona para o varejo alimentar é a loja inteligente, como a Zaitt, criada por Rodrigo Miranda para resolver dores dos consumidores como o tempo perdido nas filas de check out, por exemplo. Para Miranda, a principal vantagem competitiva da empresa é nunca parar de inovar e, prova disso é que a última unidade inaugurada em São Paulo já está ultrapassada.

“Em novembro deste ano, veremos um modelo de loja totalmente diferente do atual, com mais inteligência de dados e sortimento mais assertivo para os consumidores”, anunciou o cofundador da Zaitt. No mesmo caminho, está o supermercado 100% online Shopper.com.br, com mais de 90 mil usuários cadastrados que recebem suas compras de itens essenciais, não perecíveis, mensalmente, na porta de casa.

“Apesar de digital, o contato próximo com o consumidor e a entrega do que nos propomos demonstram respeito ao cliente e isso no Brasil é um grande diferencial”, completa Fábio Rodas, CEO e cofundador da plataforma online.

Ao término do painel, Ronaldo dos Santos concluiu juntamente com os participantes que o supermercadista precisa ter em mente “qual problema quer resolver” para escolher seu formato de negócio e as melhores ferramentas e práticas destinadas ao nicho escolhido.


Tags:


Notícias relacionadas


Últimas Notícias



menu
menu