Alimentos pressionam atacado e IGP-M sobe 0,80%

A pressão dos alimentos no atacado fez com que o Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M) abrisse setembro com alta de 0,80 por cento, ante avanço de 0,27 por cento no mesmo período de agosto. A Fundação Getúlio Vargas (FGV) informou nesta quarta-feira que o Índice de Preços por Atacado (IPA) avançou 1,19 por cento na primeira leitura do mês, frente a 0,29 por cento no mesmo período de agosto.

Entre os bens finais, ´contribuiu para a aceleração o subgrupo ´alimentos processados´, cuja taxa passou de 1,19 por cento para 2,34 por cento´, detalhou a FGV em nota.

Já no Índice de Preços ao Consumidor (IPC) os alimentos contribuíram para uma desaceleração da taxa. O IPC subiu apenas 0,05 por cento, depois de ter avançado 0,14 por cento na primeira prévia de agosto.

Nesse caso, os preços do grupo Alimentação caíram 0,25 por cento na abertura de setembro depois da alta de 0,54 por cento em igual período de agosto.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) registrou alta de 0,13 por cento, frente a 0,42 por cento na abertura do mês anterior.

Fonte: Último Segundo


Tags:


Notícias relacionadas


Últimas Notícias



menu
menu