APAS lança plataforma e-commerce B2B de supermercadista para supermercadista – APAS – Associação Paulista de Supermercados

APAS lança plataforma e-commerce B2B de supermercadista para supermercadista


Plataforma Prontz é a primeira do Brasil a reunir insumos, máquinas e equipamentos para o empresário supermercadista manter, abastecer e gerir a sua loja.

Desenvolvida pela Associação Paulista de Supermercados (APAS), a plataforma Prontz é um marketplace de produtos e serviços que reúne, em um mesmo ambiente virtual, uma gama de opções para o setor supermercadista.

O portal facilita as transações comerciais entre o empresário supermercadista, a indústria e demais fornecedores, antecipando as melhores negociações que o time comercial da empresa supermercadista poderia conseguir. Com interface intuitiva, a plataforma permite ao empresário encontrar preços competitivos com fornecedores qualificados, uma facilidade para montar, abastecer e gerir o próprio negócio com o que há de melhor em máquinas, gôndolas, prateleiras, computadores, balanças, insumos e suprimentos, por exemplo.

“Disponibilizar um e-commerce de negócios digitais facilita a rotina dos compradores de supermercados, que atualmente lidam com uma alta demanda de suprimentos e insumos. A plataforma Prontz traz praticidade para todos os associados da APAS, principalmente para os médios e pequenos supermercadistas, uma vez que a exaustiva rotina de compras será otimizada. O empresário compra tudo o que precisa em um único local, em qualquer dia e horário”, explica Lucilene Hoffmann de Sá, coordenadora de convênios da APAS, responsável pelo projeto Prontz.

A Prontz será lançada durante a APAS Show, maior evento de alimentos e bebidas das Américas, que ocorre de 16 a 19 de maio no Expo Center Norte. A plataforma será uma importante ferramenta para todos os supermercados, pois qualquer empresário supermercadista poderá utilizá-la, mas os associados à APAS terão acesso a descontos exclusivos. Para a vice-presidente da APAS, Shirlei Castanha, a plataforma vai de encontro aos anseios dos empresários supermercadistas, que no Estado de São Paulo empregam diretamente quase 600 mil pessoas: “nossa meta é profissionalizar cada vez mais o setor, identificando tendências de varejo e oferecendo aos associados meios para aprimorarem a relação com o consumidor, tornando seus negócios sustentáveis”, explica.


Tags:


Notícias relacionadas


Últimas Notícias



menu
menu