Retrospectiva 2016: Evento APASNEXT debateu a importância da tecnologia para os resultados de um supermercado


Sucesso. Palavra que define a 1ª edição do APASNEXT, evento que, realizado pela Associação no dia 19 de outubro, reuniu palestras e painéis com especialistas que abordaram a tecnologia aos supermercadistas, com foco na melhora da operação, do atendimento ao consumidor final, e, por consequência, dos resultados da loja. Ao todo, mais de 400 participantes marcaram presença neste evento inédito e importante para o setor.

As Regionais e Distritais da APAS compareceram em peso com caravanas que levaram os associados à Sede, na capital paulista, onde o evento foi realizado. Logo na abertura, o presidente da Associação, Pedro Celso, destacou a importância de um evento deste porte – pautado pela temática “Como a Tecnologia Contribui para o Resultado Efetivo do seu Supermercado”.

“A tecnologia deve estar presente em nossos negócios, sendo aliada na profissionalização do setor supermercadista, na redução de custos e no aumento da produtividade. Espero que todos tenham um dia de muito aprendizado, bons negócios, relacionamento e troca de experiências, para, juntos, melhorarmos todo o processo que envolve a cadeia de abastecimento e, por consequência, o atendimento aos consumidores”.

Flávio Fernandes, vice-presidente e diretor de Tecnologia da APAS, fez questão de agradecer aos patrocinadores do APASNEXT –Consinco, Rede, RDS Multimídia,Toledo do Brasil, Gondola Sistemas, Arius, Gunnebo, Betta Telecon, Intersolid, Oki Data, Tagsell, Visual Mix, A-Udere, RP Informática, IN – Inteligencia de Negócio, Logus Retail, Systax, Bizerba e Glory, e apoio das empresas Microsoft e PWC.

O supermercadista ainda frisou a origem do APASNEXT, que se deu a partir do Estudo de Prontidão e Maturidade Tecnológica do Varejo Supermercadista, que, realizado pela APAS em parceria com a PwC Brasil, contou com a participação de 218 empresas supermercadistas dos mais diversos portes.

“O evento foi idealizado a partir do planejamento da APAS, visando aumentar a eficiência do setor no uso de tecnologia. Portanto, o APASNEXT foi construído com base no resultado do Estudo e demandas do setor, que nos proporcionou a melhor identificação dos pontos de atenção e de melhorias na área da TI dos supermercados”, explicou.

Painel de Tecnologia

Ricardo Neves (Sócio-líder da Indústria de Varejo & Consumo da PwC), Flávio Fernandes (Diretor do SuperBom Supermercados e da APAS), Leandro Galeote (Diretor do Supermercados Cisper), Silvio Sousa  (Diretor Comercial da Consinco), Alexandre Lima (Diretor de Tecnologia da Informação do GPA) e Anderson Martins (Gerente de TI da APAS) participaram de debate especial sobre tecnologia.

Jorge Inafuco apresentou o “Estudo de Prontidão e Maturidade Tecnológica do Varejo Supermercadista”, o que serviu de pano de fundo para a discussão. O especialista ressaltou que a TI deve ser encarada como um “modelo de negócios para a operação, e não como mero suporte”.

Ainda de acordo com Inafuco, a importância do tema deve estar associada à sustentabilidade do negócio, o que garantirá diferenciais aos clientes. “Tecnologia não é custo e, sim, investimento”.

Segundo Silvio Sousa, a tecnologia é de suma importância para viabilizar uma operação mais enxuta e eficiente. “Trata-se de um recurso para agilizar os processos e melhorar a produtividade”.

Além disso, o executivo destacou que, em meio à alta rotatividade de funcionários do setor supermercadista, a tecnologia também serve como instrumento de desenvolvimento dos colaboradores. “É uma ferramenta de treinamento, inclusive à distância”.

Flávio Fernandes, entretanto, ponderou que o planejamento deve integrar todo este processo. “Temos que estar preparados para absorver as tecnologias e opções não faltam”.

Painéis com cases de sucesso

Richard Chaves, diretor de Novas Tecnologias e Inovação da Microsoft, discorreu sobre “Transformação Digital”, e o superintendente de Sistema da Rede, Antônio Neto, que desenvolveu aos presentes o tema “Evolução dos meios de pagamentos e seus reflexos no varejo”.

Entre os exemplos de cases de sucesso apresentados, destaque para os self-checkouts, já implantados em duas lojas da rede Enxuto, região de Campinas. A rede Laranjão, de São José do Rio Preto, apresentou as novidades da loja em compras on-line, e a rede Pague Menos, de Americana, detalhou a estratégia para entrar no mundo on-line do e-commerce e aplicativos.


Tags:


Notícias relacionadas


Últimas Notícias



menu
menu