Semana do Meio Ambiente: Sustentabilidade na Cadeia do Abastecimento


A APAS tem recomendado o Protocolo Socioambiental para a melhor avaliação dos parceiros comerciais dos associados. O objetivo é disseminar a adoção de práticas mais sustentáveis, a partir da influência do varejo sobre os fornecedores e consumidores. Nos diversos encontros e reuniões, que contaram com a participação da APAS, foram abordados diferentes protocolos e iniciativas.

Em 2017, por exemplo, a APAS lançou um material de Orientação do Supermercadista na seleção de fornecedores, baseado em critérios socioambientais de sustentabilidade, que permitirá aos compradores conhecer desde os documentos de origem obrigatórios de certos produtos, até às plataformas para consulta de dados ambientais e de responsabilidade social de cada empresa.

Os critérios e as respectivas fontes de dados públicos/oficiais para consulta e análise socioambiental são encontrados resumidamente na tabela abaixo, assim como os parâmetros e regras de aplicação:

No link abaixo, apresentamos o passo a passo para consulta de cada critério:

Protocolo de sustentabilidade no setor supermercadista

No que se refere à sustentabilidade, vale destacar também as ações conjuntas com a ABRAS, a partir do Programa de Rastreamento e Monitoramento de Alimentos (RAMA), e a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (ABIEC), além da aproximação com as plataformas de monitoramento da cadeia de carnes das redes.


Tags:


Notícias relacionadas


Últimas Notícias



menu
menu