Supermercados da capital começam a receber doações de alimentos para o programa Cidade Solidária – APAS – Associação Paulista de Supermercados

Supermercados da capital começam a receber doações de alimentos para o programa Cidade Solidária


Nesta quinta-feira (13), a Associação Paulista de Supermercados (APAS) inaugurou 102 pontos de coleta de alimentos em supermercados de São Paulo que serão destinados à Prefeitura. Esta é mais uma iniciativa que amplia os esforços realizados pelos supermercados paulistas para garantir a segurança alimentar de populações vulneráveis durante a pandemia, realizadas no âmbito da Campanha Doação Super Essencial. Os alimentos arrecadados serão destinados ao Programa Cidade Solidária, através de uma parceria firmada entre a APAS com a Prefeitura de São Paulo. O Programa Cidade Solidária tem a finalidade de empreender ações coordenadas entre o poder público municipal, sociedade civil organizada e iniciativa privada para ajuda humanitária, buscando garantir a segurança alimentar e a saúde básica das populações mais vulneráveis durante a pandemia, o que está em conformidade com as premissas da Doação Super Essencial, campanha liderada pela Associação Paulista de Supermercados (APAS).

A iniciativa proporciona à população depositar alimentos não perecíveis em uma caixa devidamente identificada nos supermercados. Estes produtos serão destinados ao Banco de Alimentos da cidade de São Paulo para compor as cestas básicas que serão entregues às famílias mais impactadas pelos reflexos econômicos da pandemia. A lista com os supermercados participantes está disponível nos sites da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC) e do programa Cidade Solidária.

Segundo o Presidente da APAS, Sr. Ronaldo dos Santos, “é muito importante estabelecer parcerias como essa, que tem o objetivo de amparar milhares de pessoas em delicado estado de vulnerabilidade social. Desta forma seguimos preenchendo nosso papel de abastecer as famílias de São Paulo, principalmente as que mais precisam de ajuda nesta crise econômica decorrente da Pandemia da Covid-19”, explicou Ronaldo dos Santos, presidente da APAS, entidade responsável pela Campanha Doação Super Essencial. Para a Secretária Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC), Claudia Carletto, “o reforço que a cidade recebe da APAS, oferecendo 102 pontos de coleta de doações de alimentos, nos ajuda a ampliar esse trabalho, justamente no pior momento da pandemia e diante de um processo de empobrecimento da população, sobretudo da faixa mais vulnerável. Neste contexto, é importante que toda a sociedade se engaje no programa, seja doando, ou divulgando os locais de doação”, explicou Claudia Carletto, secretária da pasta que coordenada o projeto Cidade Solidária pela Prefeitura de São Paulo

Assista abaixo a reportagem da CNN sobre esta parceria entre a Associação Paulista de Supermercados (APAS) e a Prefeitura de São Paulo.



Notícias relacionadas


Últimas Notícias



menu
menu